Meu Bebê Gourmet

Publico um post da fofa da Laura Valentini que sempre acompanha a gente. Ela dá a dica de um livro bem bacana, principalmente para quem vai começar com as papinhas em breve. Mas, cá entre nós, eu acho que as duas receitas sugeridas são para gente grande também, tamanha a delícia!!!

beijos

Mônica

“Como diz minha mãe, é de pequeno que se torce o pepino, por isso quando tive o meu bebê procurei informações de como desenvolver o paladar dele. Encontrei um livro interativo que traz receitas ótimas, além de ser um álbum de fotos muito divertido para as mais corujas. É o Meu Bebê Gourmet, de Margarete Steigleder (Disal Editora). Nele encontram-se receitas fáceis, práticas e testadas,inclusive por mim.
Todas as receitas são ótimas, mas tenho duas favoritas, o Chá Repousante que leva maçã desidratada, erva-doce e erva-cidreira, por ter-me auxiliado bastante nas noites mais agitadas. E o Risoto de Cenoura com cenoura, arroz, manteiga, queijo branco e suco de laranja, por ser querida ainda pelo meu pequeno chef Gabriel, hoje com 6 anos e muita disposição.

Receitas:

1ª – Chá Repousante (Indicado para crianças a partir de 4 meses):
* 1 colher (chá) de maçã desidratada
* 1 colher (café) de erva-doce
* 1 colher (café) de erva-cidreira
* 200 ml de água filtrada fervente.
Coloque a maçã, a erva-doce e a erva-cidreira numa panelinha. Junte a água fervente e ferva por 2 minutos. Deixe descansar (abafado) por 10 minutos, coe e deixe esfriar.

2ª – Risoto de Cenoura (Indicado a partir dos 9 meses):
* 1 Cenoura pequena
* 1 colher (chá) de manteiga
* 2 colheres (sopa) de arroz
* 1 xícara (chá) de água filtrada (250ml)
* 40g de queijo branco fresco ralado grosso
* 2 colheres (sopa) de suco de laranja
* 1 pitada de sal
Lave e descasque a cenoura. Rale no ralo grosso. Refogue com a manteiga. Junte o arroz, lavado e escorrido, e a água. Tampe e cozinhe em fogo baixo por 20 minutos. Acrescente o queijo e o suco de laranja, misturando bem. Sirva morno.

Um beijo

Laura Valentini”

5 Comments

  1. Como se deve ralar queijo branco!!! Só de imaginar o estado do ralador, já prefiro triturar o queijo no garfo. rsrsrs
    beijos
    Patricia

  2. Puxa, adorei a dica, pois tenho uma nenê de 4 meses que vai começar com as papinhas. Será que vc teria mais sugestões de livros?
    Obrigada.Bjs

    1. Na verdade, uma coisa legal de eu colocar nos próximos posts é que os livros que colocamos aqui são para inspirar. Nenhum deles é perfeito. Você não precisa seguir exatamente a receita. O legal é adaptar ao seu modo de cozinhar. Eu, por exemplo, não gosto de usar nem amido de milho, nem farinha de trigo a não ser em receitas de bolo. Sempre tento adaptar com outro ingrediente. O jeito é ter bom senso, não usar o tanto de óléo, manteiga, açúcar, cebola, etc, que as receitas sugerem. Mas valeu pelo toque! Mas vamos combinar que o risotinho, sem amido nem nada, deve ficar uma delícia!
      beijos
      Mônica

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.