Quinta da Papinha – Frango, batata e couve

Home / Papinhas / Quinta da Papinha – Frango, batata e couve

Receitas de papinhas: mais uma deliciosa receita para sua coleção. Dessa vez o tradicional frango com batata ganha a companhia da couve, para que o bebê já comece a conhecer novos gostos e texturas.

Papinha 4
receitas de papinhas

FRANGO, BATATA E COUVE

Você vai precisar de:

½ xícara de peito de frango picado (construtor)
1 batata descascada e picada (energético)
1 colher de arroz branco (energético)
½ mandioquinha picada (energético)
1 folha de couve picada (regulador)
½ cenoura picada (regulador)
Folhinhas de coentro
1 colher (chá) de salsinha
1/3 de cebola cortada em pedaços grandes
1 alho cortado em pedaços grandes
Azeite

Em uma panela com um pingo de azeite, refogue o frango junto com a cebola e o alho. Junte os outros ingredientes e coloque o dobro da quantidade de água. Deixe cozinhar. Quando observar que os ingredientes estão molinhos, desligue o fogo e retire os pedaços de alho e cebola – que estão ali apenas para dar sabor. Dependendo da fase que seu filho está, passe o restante pela peneira, amasse com um garfo ou sirva como ficou mesmo (vai ficar parecendo uma sopa pedaçuda). Regue com o azeite, experimente e corrija os temperos se necessário. Quando gostar, está pronto!

Um beijo da Mô

6 thoughts on “Quinta da Papinha – Frango, batata e couve

  1. Aqui vai uma dica para frango desfiado (receita chinesa) – bem fácil:
    1 – ferva uma panela de água (que caiba o frango)
    2 – coloque o frango (ou pedaço) dentro
    3 – quando levantar fervura novamente desligue o fogo
    4 – tampe e deixe 90 minutos (fogo desligado).
    5 – retire o frango e desfie. Aproveite a água em sopas, canja, etc.
    Obs: use com ervas e limão, e esqueça o sal…

  2. Oi Nathalia, que bom que você gosta do blog. Vamos passar lá no seu site sim!

    Oi Marie, obrigada pelos elogios! Sobre a carne na papinha, o que acontece é que existem várias linhas na pediatria. Alguns médicos preferem que o bebê tenha contato com a carne mais tarde, enquanto outros colocam esse alimento construtur desde a primeira papa. Existem pediatras que recomendam que o bebê coma papinhas feitas apenas com um alimento na primeira semana (só cenoura, ou só mandioquinha, por exemplo), enquanto outros já sugerem um sopão com carne e tudo. Enfim, são linhas diferentes. Eu, particularmente, depois de duas filhas e pelo menos 8 anos entrevistando pediatras, não vejo problemas em dar carne para bebês – eu introduzi as papinhas com um ingrediente só e depois de duas semanas já misturava carne. Mas acho que sempre é legal consultar o próprio pediatra para saber qual o conselho dele. Vou entrevistar a Sociedade Brasileira de Pediatria para saber a opinião deles – que aliás, está mudando bastante: eles agora recomendam papinha de peixe e ovos desde os seis meses. Espero ter ajudado.
    um beijo,

  3. Oi, Mô, é a primeira vez que comento aqui, mas já sigo o blog faz tempo. E adoro! Como tenho um bebê de nove meses, leio sempre as receitas de papinha na quinta feira. Mas também sigo um outro blog,o Comer é um Barato, e hoje li que não se deve dar carne para o bêbe. Isso é verdade?
    Marie

  4. Olá Mô e Pati!
    Muito bacana o blog de vocês.
    Adorei as receitas e parecem ser todas muito gostosas até mesmo para os adultos.
    Meu nome é Nathalia, tenho um sobrinho fofo de um aninho e trabalho num estúdio super legal onde a fotgrafa é especializada em ensaios de gestante e crianças.
    ás vezes também posto algumas receitas no nosso blog.
    Passe lá pra nos visitar 😉

    http://www.fernandabozza.com.br/blog/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.